24 de dez de 2008

Celebramos ao Cristo de Deus, nosso Redentor


Durante um bom tempo eu comemorava o natal com um vazio em meu coração. Dizia que era uma data meramente comercial e muitas vezes defendia que era uma comemoração pagã. Combati radicalmente aqueles que comemoravam o natal de uma forma religiosa dizendo que devíamos celebrar a morte e não o nascimento de Cristo (fazei isso em memória de mim - Lc 22:19).


Até que um dia ouvi um pastor dizer: leia o que a bíblia diz a respeito do nascimento de Jesus. Abri a bíblia nos relatos sobre o nascimento do salvador e me deparei com a história mais espetacular que alguém pode imaginar.


Ainda há muitas pessoas, pregadores, instituições religiosas que pregam que não se deve celebrar o natal pelos mesmos motivos que eu não comemorava e alguns outros, mas quando li os relatos na bíblia sobre o nascimento de Jesus fiquei surpreso em perceber algumas coisas que vou compartilhar aqui:


O nascimento de Jesus foi celebrado pela elite da época, representado no texto pelos Reis magos que levaram para o menino presentes como: ouro, incenso e mirra, presentes caros na época que não era qualquer um que teria isso para dar. Este relato encontramos em Mateus 2:1-12.


O nascimento foi celebrado também pelos astros, representado aqui pela estrela, a mesma estrela que guiou os Reis magos até a manjedoura, relatado em Mateus 2:2.


O nascimento também foi celebrado pelo povo, representado aqui pelos pastores, pelas regiões espirituais representado pelos anjos, celebrado pelos velhos, com o cântico de Simeão e isto está relatado em todo o capítulo 2 de Lucas.


Não me importa mais se vão dizer que o natal é uma festa pagã cristianizada, se é apenas comercial representada pelo papai noel, para mim está mais do que claro o valor em se comemorar com cânticos e harmonia entre todos. Não me importa que digam do natal, o importante é sabermos que, nesta data, o mundo todo celebra o nascimento de Jesus, o mundo todo ouve falar de Jesus, isto é que importa, não importa a forma, mas sim que a mensagem do nascimento do salvador do mundo chegue ao máximo de pessoas possível.


Em um outro texto, publicado aqui mesmo neste blog, mostro a minha indignação sobre a celebração do natal, mas quero deixar claro, minha indignação é com a hipocrisia dos homens. Não quero parecer contraditório, quero apenas mostrar aos homens que há como ser cristão, sem ser hipócrita. Amando uns aos outros, respeitando a natureza, que é criação de Deus, e nos educando para a cidadania.



Deus abençoe a todos nesse natal, que Jesus esteja bem representado em cada casa, em cada lar, com amor, com fraternidade e com esperança por um mundo melhor.

Feliz Natal


João Marçal

Bacharel em Teologia



Soli Deo Gloria

Nenhum comentário:

Postar um comentário